Close

Reino da Garotada de Poá: 77 anos de dedicação, trabalho, cuidado e amor às crianças, adolescentes, jovens e famílias vulneráveis.

Houve uma vez um padre holandês que construiu um reino no Brasil. A história do Reino da Garotada de Poá é tão bonita e encantadora que poderia começar assim porque remete à realização de um sonho.

O Reino da Garotada

O Reino da Garotada de Poá é uma associação civil, sem fins lucrativos, fundada em 30 de janeiro de 1944 pelo padre holandês Simon Switzar.

Durante 40 anos funcionou exclusivamente como internato atendendo crianças órfãs e/ou abandonadas. Nesse período passou pela primeira mudança de orfanato tradicional, para atendimento em pequenos núcleos, chamados de casas-lares.


Em 12 de outubro de 1983 devido às mudanças sociais ocorridas na cidade, foi inaugurada a Creche para crianças de 0 a 5 anos de idade posteriormente o Centro de Juventude para crianças de 6 a 15 anos de idade e as Oficinas Escola para adolescentes de 14 a 17 anos anos, os dois últimos com ações complementares à escola. O internato foi totalmente extinto em 1993, data em que a entidade priorizou o trabalho socioeducativo para crianças e adolescentes de famílias de baixa renda da cidade de Poá e região.

Missão

Prestar assistência, educação e capacitação profissional para crianças,  adolescentes, jovens e famílias de baixa renda em situação de risco ou exclusão social.

Visão

Promoção humana, desenvolvimento de competências para a vida e o pleno exercício da cidadania.

Valores

Solidariedade, amor ao próximo, respeito, ética e transparência, responsabilidade social e ambiental, aspiração.